Depois de perder 44% de seus seguidores Raquel Sheherazade exclui posts ofensivos

Depois de perder 44% de seus seguidores Raquel Sheherazade exclui posts ofensivos

Nesta primeira quinzena de dezembro a repórter do SBT mudou de lado e começou a atacar gratuitamente seus seguidores que apoiavam o deputado federal e presidenciável Jair Bolsonaro. Os posts f

Leia tudo

Nesta primeira quinzena de dezembro a repórter do SBT mudou de lado e começou a atacar gratuitamente seus seguidores que apoiavam o deputado federal e presidenciável Jair Bolsonaro. 

Os posts feitos por Raquel dizia para seus seguidores que se estes apoiassem o presidenciável era para se manifestar, pois assim "facilitava a remoção", a repórter também afirmou em sua página pessoa que "precisamos de pessoas boas em meu facebook, fora bolsohatters" dentre muitos outros ataques; o que causou revolta em seus seguidores e uma diáspora inédita em uma rede social: quase um milhão de seguidores deixariam  a sua página.

Depois de perceber a indelicadeza, a jornalista removeu todos os posts ofensivos e não se desculpou.

Do outro lado, seu namorado fez declarações agressivas aos seguidores de Bolsonaro, inclusive foi bloqueado pelo próprio Facebook, fato que atribuiu aos "Bolsominons"